Tags

, , , ,

Dia 3 de Junho foi uma data melancólica para mim, pois marcou o fim da segunda temporada de uma de minhas séries favoritas: Guerra dos Tronos, produção da HBO baseada na série de livros Crônicas de Gelo e Fogo, do escritor americano George R.R. Martin.

O sentimento foi compartilhado por pelo menos 5,1 milhões de expectadores (nos EUA), que acompanharam o episódio ser transmitido simultâneamente para o Brasil e o resto do mundo. Números respeitáveis levando-se em consideração que trata-se de um  programa de tv fechada.

A temporada foi baseada nos acontecimentos do segundo livro (A Clash of Kings) e o penúltimo episódio foi escrito pelo próprio Martin, que participa ativamente dos bastidores da série, tendo até revelado os finais dos personagens aos seus produtores, para o caso de vir a falecer antes de terminar de escrever a saga.

A história se manteve espetacular, com grande realismo (o que pode parecer paradoxal para uma série de fantasia), um ótimo enredo e interpretações estelares. Destaque para Peter Dinklage, perfeito como Tyrion Lannister.

Resta agora esperar mais um ano e mais uma temporada. A terceira e a quarta, baseadas no terceiro livro (A Storm of Swords), já estão confirmadas. Falta também ao autor lançar os dois últimos livros da franquia, The Winds of Winter e A Dream of Spring.

Advertisements